Suporte ao Chromecast, telas de toque e mais!!!

Várias novas e interessantes funcionalidades foram adicionadas recentemente ao SMPlayer. Essa página lhe fornecerá uma rápida sinopse de todas elas.


Suporte ao Chromecast

A versão 17.1 vem com suporte experimental ao Chromecast. Agora você pode enviar vídeos do SMPlayer ao seu dispositivo Chromecast, incluindo arquivos locais do seu computador e transmissões on-line como canais de TV ou vídeos de sites como YouTube, Dailymotion, Vimeo, Vevo e muitos outros. Mais informações.

Suporte a computadores 2 em 1 com telas de toque

O SMPlayer agora inclui um 'modo tablet' disponível no menu Opções. Com essa opção habilitada, são feitas algumas alterações na interface para facilitar o controle do SMPlayer tocando na tela.

  • o tamanho das janelas e fontes é aumentado
  • deslizar verticalmente no vídeo altera o volume, já horizontalmente, busca no vídeo
  • dando um toque quando em tela cheia exibe o controle flutuante
Quando o usuário altera para o modo tablet na central do Windows 10, o SMPlayer detetará e perguntará se deve alterar a si mesmo para o modo tablet.

Enviar o vídeo para uma tela externa

Agora é possível enviar o vídeo para uma segunda tela conectada ao computador enquanto controla o programa na tela principal.

Há uma nova opção no menu Vídeo: enviar o vídeo para a tela. Isso exibirá um submenu com todas as telas conectadas.

Uma das telas é chamada de 'tela primária', que é a tela do computador. Se você enviar o vídeo para outra tela, ele será exibido naquela tela em modo de tela cheia. A interface do SMPlayer permanecerá na tela do computador, onde você poderá controlar o vídeo (busca, volume, legendas, lista de reprodução, abrir outro vídeo, etc.) enquanto o video é exibido na segunda tela. Se você enviar o vídeo para a tela principal, ele será reincorporado à janela do SMPlayer.

Nota essa funcionalidade requer que a área de trabalho esteja definida como 'estendida'.

Suporte a telas com alto DPI

O SMPlayer ficava minúsculo em telas com alto DPI (pontos por polegada). Agora a interface é ajustada automaticamente para o tamanho correto. Também há configurações em Preferências -> Interface -> Alto DPI onde você pode ajustar manualmente o fator de escala ou desligar essa função.

Sem suporte a alto DPI

Com suporte a alto DPI

Atalhos globais

Agora é possível usar as teclas multimídia (reproduzir/pausar, parar, volume+/-, etc.) como atalhos globais. Isso significa que essas teclas funcionarão mesmo que o SMPlayer esteja em segundo plano. Você pode ativar essa opção em Preferências -> Teclado e mouse.

Configurações são lembradas para transmissões online também.

Isso significa que, por exemplo, o SMPlayer pode retomar a reprodução ou definir favoritos em vídeos do YouTube ou outras transmissões online (desde que elas sejam buscáveis).


Versão 17.4.2
  • Nova opção (menu Visualização -> OSD) para exibir os milissegundos nos tempos.
  • Nova correção para o gerador de miniaturas que funciona também com versões antigas do mpv.
  • Correção de erro: a posição do vídeo é lembrada quando ele é aberto através do arrastar e soltar.
  • O instalador para Windows não instala o mpv no Windows XP já que ele não é mais compatível com essa versão do Windows.
  • Nova opção para usar o decodificador ffhevcvdpau do mplayer (apenas Linux).
  • Impede alguns travamentos no mpv.
Versão 17.4
  • O gerador de miniaturas foi reparado.
Versão 17.3Versão 17.2
  • Correções para o YouTube
  • A opção de deletar arquivos do HD através da lista de reprodução retornou mas vem desabilitada na instalação (você pode habilitá-la em Preferências -> Lista de reprodução -> Miscelânea).
  • No Linux, o SMPlayer agora usa um servidor web diferente, incluso no pacote, para enviar arquivos para o Chromecast. Se você instalou o pacote webfs, pode desinstalá-lo, já que não precisará mais dele.
  • Nova tradução: Norwegian Bokmål.
Versão 17.1
  • Suporte experimental à reprodução de vídeos no Chromecast.
  • Suporte para algumas opções do #EXTVLCOPT em listas de reprodução m3u/m3u8. Isso deve ajudar a reproduzir transmissões on-line de listas de reprodução destinadas ao VLC.
  • Novas opções no menu de contexto da lista de reprodução: 'copiar URL para a área de transferência', 'abrir pasta fonte' e 'reproduzir no Chromecast'.
  • Opção de exibir a informação da taxa de bits na barra de estado.
  • Possibilidade de exibir o tempo de reprodução com milissegundos na barra de estado.
  • Retorno da opção de adicionar bordas pretas em tela cheia (Preferências -> Geral -> Vídeo).
  • Removida a opção de deletar arquivos locais pela lista de reprodução.
Versão 16.11
  • Nova opção 'Exibir informações no OSD' em Visualização -> OSD (Shift + I). Ela exibe informações sobre a mídia atual (resolução, taxa de bits...) no OSD.
  • [Mais informações]
  • Mais opções em Preferências -> Lista de reprodução para um controle aprimorado do comportamento da lista de reprodução, o que facilita seu uso para os favoritos.
  • Correções de erros.
Versão 16.9
  • Nova opção para enviar o áudio para um dispositivo específico. Muito útil para enviar o áudio para uma TV através do cabo HDMI ou para um fone de ouvido bluetooth.
  • [Mais informações]
  • Melhorias na lista de reprodução. Agora é possível ocultar qualquer coluna (clique direito para exibir as opções). O campo de busca também está oculto por padrão, um novo botão de busca o exibe/oculta. Essas alterações servem para prevenir que a janela da lista de reprodução fique muito grande.
  • Devido a bugs e problemas com o Qt 5, os pacotes para Ubuntu voltaram a ser compilados com o Qt 4 por padrão.
  • Correções de erros.